Surucucu-Pico-de-Jaca – Cobra mais Venenosa do Brasil – Bushmaster – Mestre das Florestas


As cobras do grupo das surucucus são responsáveis por apenas 2% dos acidentes no Brasil. Isso acontece porque as surucucus vivem em áreas de matas ainda preservadas, onde quase não há ocupação humana. É neste grupo, o das surucucus, que está a cobra mais venenosa do Brasil, a Surucucu-pico-de-jaca. Esta cobra é conhecida por Bushmaster (Mestre das Florestas). Seu nome científico é Lachesis muta. Além de ser a cobra mais venenosa do Brasil, pode atingir quase 5 metros de comprimento.

Surucucu avança nas pessoas

surucucu-pico-de-jaca a cobra mais venenosa

Orlando Villas Bôas e Claudio Villas Bôas, no livro “A marcha para o oeste“, contam que a surucucu-pico-de-jaca é a cobra mais temida do Brasil. É a única cobra venenosa que avança nas pessoas e tem um bote poderoso, tanto em distância quanto em altura. Essa má fama acaba fazendo dela, muitas vezes, uma vítima. Quem a encontra pelo caminho não descansa enquanto não matá-la.

Nativa da Amazônia e Mata Atlântica, é considerada uma espécie vulnerável, um estágio antes de ser considerada uma espécie em extinção.

Como atua o veneno da cobra mais venenosa

O veneno da Cascavel atua sempre no sistema nervoso central. O veneno da Jararaca atua localmente, provocando pequenas e grandes hemorragias que podem se propagar pelo corpo. O veneno da surucucu-pico-de-jaca é de ação mista, atuando tanto localmente, causando hemorragias, quanto no sistema nervoso central. Quem for picado por ela precisa receber o soro antiofídico, Antibotrópico-laquético, imediatamente.

No Brasil existem 4 grupos de serpentes venenosas: Jararaca, responsável por 90% dos acidentes, Cascavel (7%), Surucucu (2%) e Coral (1%).

Ainda temos muito a contar sobre cobras e lagartos. Fique com a gente.

 
26.616 views

5 comments on “Surucucu-Pico-de-Jaca – Cobra mais Venenosa do Brasil – Bushmaster – Mestre das Florestas

  1. Só uma observação, as aranhas caranguejeiras não possuem veneno

    Responda

    Paulo Teixeira Reply:

    @Luiz Henrique da Silva Santana, Obrigado pela observação. Pelo que encontrei na internet, o problema maior da aranha caranguejeira são os pelos das patas e sua toxidade. O veneno da picada existe, mas é brando. Sobre o pelo, “em algumas espécies o veneno pode ter ação semelhante aos encontrados nas Aranhas Armadeiras” – é o que afirma a matéria do site Info Escola (http://www.infoescola.com/aracnideos/aranha-caranguejeira/). Como o parágrafo se referia a um vídeo que não está mais disponível, preferi eliminar da matéria. Obrigado, mais uma vez.

    Responda

  2. A jararacussu é encontrada com muita frequência nas margens de rios e represas, aos pescadores que frequentemente estão nesses locais fiquem atentos. A fêmea é maior do que o macho e também mais bonita.

    Responda

Deixe uma resposta

Name and email are required. Your email address will not be published.