Leishmaniose Ataca Animais e Seres Humanos – Ferida Brava


A Leishmaniose ataca animais e seres humanos. Fígado, baço, ferida no focinho, são os principais alvos desta doença, que é fatal para cães e gatos. A Leishmaniose é transmitida pelo mosquito palha, comum no meio rural, e que vem migrando para os grandes centros urbanos.

A Leishmaniose visceral (ou calazar) e a cutânea (ou tegumentar) é uma doença infecciosa mas não é contagiosa, a não ser pela picada do mosquito palha, também conhecido por tatuquira, birigüi, cangalinha, asa branca, asa dura e palhinha. Também chamada de “ferida brava”, a leishmaniose cutânea causa feridas nas partes descobertas da pele e, mais tarde, feridas na boca, nariz e mucosas. A leishmaniose visceral acomete vários órgãos internos, principalmente fígado, baço e medula. Atinge principalmente crianças e o tratamento é bastante demorado até a cura completa. Infelizmente não há cura para os animais, que precisam ser sacrificados.

Sintomas da Leishmaniose

Mosquito transmissor da Leishmaniose

Pacientes com Leishmaniose visceral apresentam febre irregular, anemia, indisposição, palidez da pele e ou das mucosas, falta de apetite, perda de peso, inchaço do abdômen devido ao aumento do fígado e do baço.
Nos casos de Leishmaniose cutânea, duas a três semanas após a picada pelo flebótomo aparece uma pequena pápula (elevação da pele) avermelhada que vai aumentando de tamanho até formar uma ferida recoberta por crosta ou secreção purulenta. A doença também pode se manifestar como lesões inflamatórias nas mucosas do nariz ou da boca.

Prevenção da Leishmaniose

O fundo de quintal é o ambiente propício para a multiplicação dos mosquitos transmissores. O habitat do mosquito é a matéria orgânica em fermentação. Terra, folhagem, restos de comida, restos de frutas, compostagem, propiciam a presença do vetor. O quintal deve ser mantido sempre limpo.

Caso o paciente apresente alguns desses sintomas deve procurar imediatamente o médico para iniciar o tratamento com urgência. Qualquer demora pode ser fatal. O diagnóstico da leishmaniose é realizado por meio de exames clínicos e laboratoriais. Erradicando a doença estaremos evitando novas contaminações entre seres humanos e animais.

Sempre é bom repetir que somente um médico ou veterinário pode diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. As informações disponíveis no Tudo Sobre Bichinhos possuem apenas caráter educativo.

Fonte de consulta: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/126leishmaniose.html

 
504 views

One comment on “Leishmaniose Ataca Animais e Seres Humanos – Ferida Brava

  1. Pingback: Leishmaniose tem cura - Tudo Sobre Bichinhos

Deixe uma resposta

Name and email are required. Your email address will not be published.