Gostar de Ração Seca tem seus Truques


Habituados a se alimentar de comida preparada em casa, meus cachorros se recusam a gostar de ração seca. Ficaria muito feliz se conseguisse fazê-los gostar de ração seca, mas tenho tentado em vão. Uma ração de boa qualidade, tipo premium ou super premium, atende a todas as necessidades alimentícias dos cães (e gatos também), deixando-os bem alimentados. O custo, comparado com a comida feita em casa, é bem menor, sem contar o trabalho de preparar a comida caseira.

Muitas vezes a ração tem grande parcela de culpa. Assisti a um vídeo onde eram oferecidos vários tipos de ração seca a um grupo de cães, alguns de raça, outros vira-latas, que estavam com fome, em horário de alimentação. Havia ração standard, que só serve para saciar a fome e fazer bolo fecal, ração intermediária, ração premium e ração super premium, com garantia de alta palatabilidade. Os resultados surpreenderam. Não pensem que a melhor ração foi a preferida. Algumas, mesmo sendo de boa qualidade, foram rejeitadas de imediato, e a ração standard não fez feio, sendo a escolhida por alguns deles. E há quem afirme que os cachorros comem por comer, não sentindo o gosto do alimento. Não é verdade.

Um segredo para seu cachorro gostar de ração seca

como fazer seu cachorro gostar de ração seca

Acho que descobri como fazer meus cachorros, habituados com comida caseira, aceitar a ração seca. Está dando certo até agora. Escolhi uma ração premium, depois de várias experiências e muitas decepções, da qual eles gostaram. Não torceram o nariz para ela e isso já foi um bom sinal. Preparei um pouco de carne moída, sem adicionar nada além de água. Não coloquei arroz ou cenoura, como já fizera anteriormente. Apenas carne moída cozida em um pouco d’água, deixando-a molhadinha, com um caldinho delicioso.

Misturei a ração com um pouco dessa carne especial. Foi um sucesso. A dose diária da ração, bem pesada, foi toda consumida. Hoje misturei, além da carne moída, um pouco de moela picadinha. Mais um sucesso. Agora sei que bastam duas refeições por dia e a ração seca, que é a base da alimentação, será aceita sem relutância.

Até quando? Quem sabe!

Prós e contras

Nem sempre esse método funciona para todos os cães. A ração seca é balanceada para fornecer todos os nutrientes de que o cão precisa. Quando adicionamos carne moída ou moela de frango, estamos alterando as proporções de proteínas e gorduras, o que pode fazer mal ao animal. Devemos nos lembrar de que até a troca da ração deve ser feita gradualmente, durante alguns dias, para evitar problemas intestinais. Então, só use o recurso de adicionar carne em último caso, quando a ração seca não for aceita de forma alguma, e colocando pouca quantidade da carne, que deve ser magra e bem cozida. Aos poucos vá diminuindo a carne até que o animal se acostume a se alimentar apenas de ração. Se notar alteração nas fezes, como diarreia, interrompa a experiência e converse com o veterinário.

Neste artigo relato apenas uma experiência que venho fazendo e não sei como será o final. Conto para vocês depois.

Minha amiga Nilce Oliveira comentou no Face: “O Mike tem certas intolerâncias, não pode comer certas coisas porque podem causar cólicas, diarreia ou vômitos. Até biscoito canino ou aperitivos a Vet proibiu. Nada com corantes. Por isso, desde pequeno ele só come ração seca, e sempre da mesma marca. Já tentei mudar de marca e também não deu certo.”

Nick é um caso especial

Nick adora sachê

Nick tem um tumor na boca, o ameloblastoma acantomatoso. Já operou, mas voltou a crescer. Apesar da sua idade avançada e da progressão da doença, o tumor não o impede de se alimentar de sólidos e nem causa dor (ao que parece). Ele adora sachê da Pedigree. Vou privá-lo disso? Nunca!

Meu objetivo é alimentá-los apenas com ração seca. Melhor para eles, melhor para mim. Mudar hábitos alimentares depois de muitos anos não é tarefa fácil. Os cachorros estranham e sofrem com isso. Já me aconselharam a mudar de imediato, como se faz quando se quer parar de fumar. “Se rejeitarem a comida, deixe-os com fome. Vai chegar uma hora em que a fome será tanta que aceitarão a ração.”

Para mim, isso é tortura. Você faria isso com seu bichinho?

Deixe a sua opinião nos comentários. O que você faria? Como seus bichinhos se alimentam?

 
258 views

Deixe uma resposta

Name and email are required. Your email address will not be published.