Esporotricose – Dra. Letícia Piccoli


Tenho atendido muitos gatinhos com uma doença chamada Esporotricose, cujo principal sintoma são feridas que não cicatrizam.

Estou alertando sobre essa doença, pois é uma zoonose e por isso pode afetar a gente.

A transmissão da esporotricose se dá através da arranhadura do gato e provoca lesões de pele que podem ser dolorosas e que demoram para curar.

Se você conhece um gatinho que esteja com esses sintomas, venha com urgência até nossa clínica e cuidado para não ser arranhado por ele.

Gatos e lagartixas

Gatos também são a minha paixão.

Quem gosta, sabe que eles são caçadores natos, não é?

Hoje o alerta é para os donos de gatos que já viram seus bichanos caçando uma lagartixa.

As lagartixas ocupam um importante papel na natureza e mesmo na nossa casa, se alimentando de pequenos insetos como as traças, mosquitos, aranhas, baratas, etc… É praticamente um “inseticida natural”.

Quem tem um gatinho caçador e já observou seu interesse por este réptil, deve ficar atento a alguns sintomas que possam vir a surgir no seu bichano caso venha a ser contaminado, pois as lagartixas podem transmitir um parasita chamado Platinossomum, que pode causar lesões hepáticas severas no bichano, caso não seja tratado a tempo.

Carinho e atendimento que fazem a diferença!

Os 3 gatinhos sem esporotricose

Clínica Veterinária Letícia Piccoli

Rua Oscar Clark, 86 – Centro – Araruama – RJ

(22)2664-7506

Dra Leticia Piccoli – CRMV/RJ 10.105

 
64 views

Deixe uma resposta

Name and email are required. Your email address will not be published.