5 Motivos para Não Adotar um Bichinho de Estimação


Uma vizinha mostrou interesse em adotar um bichinho de estimação, de preferência um cachorro da raça Pinscher.  Alertei que, convivendo há algum tempo com gatos e cachorros, tinha alguma experiência no assunto e a aconselhava a pensar bem antes de assumir a responsabilidade. Afinal, tanto ela quanto o marido já estavam perto dos 70 anos e deveriam aproveitar o tempo livre de aposentados para viajar, passear, curtir o tempo sem preocupações. Adotar por impulso poderia trazer arrependimento futuro. Além disso, teriam saúde e disposição para cuidar do cão quando este ficasse idoso? Eles também estariam idosos, com mais de 80 anos.

5 Motivos para não Adotar um Bichinho de Estimação

Parece que estava adivinhando. A vizinha comprou o Pinscher e agora, passados dois meses, já pensa em procurar quem queira ficar com ele. Seu marido, embora pareça gostar de animais, está se sentindo impaciente com a presença do cachorrinho, que insiste em dividir a cama com eles. Além disso, cães dessa raça latem alto e são bastante agitados.

Antes de adotar, seja comprando ou recolhendo das ruas, seja cachorro, gato, calopsita ou qualquer outra espécie de animal, devemos ter consciência das obrigações que estaremos assumindo. Muita gente adota por impulso ou vaidade, para satisfazer um desejo momentâneo, e logo se arrepende. Estamos lidando com seres vivos, que têm sentimentos e sensibilidade muito maior do que podemos imaginar.

Motivos Para Não Adotar um Bichinho de Estimação

5 Motivos para não Adotar um Bichinho de Estimação

Antes de tomar a importante decisão de adotar um bichinho de estimação e assumir um compromisso por cerca de 15 anos, seja sincero e responda a estas perguntas. Anote as respostas em um pedaço de papel.

1 – Quantas pessoas moram com você? Todos gostam de animais e estão dispostos a receber um hóspede permanente que, em pouco tempo,  se portará como o verdadeiro dono da casa? Tomarão conta dele na sua ausência, enquanto você trabalha ou durante suas viagens?

2 – Você costuma viajar nas férias e finais de semana? Vai para hotéis? Será possível levar o bichinho de estimação? Ou alguém ficará com ele e dará a atenção necessária?

3 – Manter um Bichinho de Estimação custa caro. Além da ração, há despesas com veterinários, vermífugos, vacinas, medicamentos, shampoos, etc. Você está preparado para mais esta despesa mensal? Faça as contas.

5 Motivos para não Adotar um Bichinho de Estimação

4 – Você se incomoda em dividir a cama com cães ou gatos? No caso de gatos, que são notívagos, está preparado para ter uma noite bastante festiva, com muitos miados e passeios impacientes pela casa? Os cachorros, ao contrário dos gatos, costumam dormir à noite.

5 – Quando o bichinho envelhecer, você cuidará dele? A velhice ocasiona cegueira, secreção purulenta na vista, crises de tosse, dificuldade de locomoção, coceira, doenças de pele, escaras, despesas extras com medicamentos, etc. O animal será totalmente dependente de você, até para se alimentar. Você está preparado para este momento?

Um Motivo para Adotar um Bichinho de Estimação

Poderia citar muitos outros motivos, mas não quero desanimar ninguém. Pulgas e pelos espalhados pela casa são dois desses motivos. Conhece mais algum?

Como já dizia minha mãe, não procure sarna para se coçar. Pense bem, avalie a situação, e tome uma decisão. Eu já tomei a minha e não me arrependo. Não há dinheiro que pague o abraço apertado e demorado que recebo da Mel quando chego da rua. Esta semana festejamos seus nove anos desde que a encontrei vagando por Iguabinha. Esse carinho vale qualquer sacrifício! Foi a minha opção de vida!

 
98 views

Deixe uma resposta

Name and email are required. Your email address will not be published.